conexaocosmeticos

Em 17 de outubro, o auditório do Parque Tecnológico da UFRJ sediou o evento Conexão Cosméticos, organizado pelo Parque em conjunto com a Agência UFRJ de Inovação, com apoio do SENAI CETIQT. O encontro teve como objetivo principal promover a conexão entre a indústria de cosméticos e o ecossistema da UFRJ para inovação aberta.

A abertura do evento contou com a participação de Flávia Lima do Carmo, coordenadora da Agência UFRJ de Inovação. Em sua apresentação, a professora destacou as novas possibilidades que o Marco Legal de Ciência Tecnologia e Inovação trouxe para o incremento da relação universidade-empresa, bem como o papel da Agência no sentido de transferir o conhecimento que é gerado na UFRJ para a sociedade através de licenciamentos de tecnologia, prestações de serviços, acordos de parceria e transferências de know-how.

A professora Denise Freire, pró-reitora de pós-graduação e pesquisa (PR2), também participou da abertura do encontro. Em sua fala, Denise comentou que aquela se tratava de uma excelente oportunidade para promover a aproximação entre linhas acadêmicas de excelência e o setor produtivo, no intuito de que possa surgir desta interação uma gama de parcerias e projetos conjuntos que futuramente venham a desembocar em algo maior para a UFRJ, como, por exemplo, uma unidade Embrapii Cosméticos. A pró-reitora apresentou números que corroboram a alta expectativa em relação ao setor: “O Brasil é o quarto maior consumidor de produtos de higiene pessoal e limpeza. A indústria cosmética movimentou R$99 milhões em 2017 e, mesmo sem números oficiais do setor em 2018, acredita-se que o seu crescimento foi de 3,8% no último ano, movimentando mais de R$105 milhões”.

Em seguida, o diretor-presidente da Embrapii (Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial), Jorge Guimarães, salientou a necessidade imperiosa de que as empresas brasileiras disponham de centros de Pesquisa e Desenvolvimento (P&D) para poderem desenvolver plenamente seus projetos de inovação. Ele lembrou, contudo, que este tipo de estruturação exige investimentos vultosos em pessoal qualificado e em equipamentos. Uma alternativa é justamente a Embrapii, cujo papel é oferecer às empresas, a custos muito baixos, a possibilidade de trabalhar em conjunto com grupos selecionados de pesquisa aplicada e de inovação através do modelo de tripla hélice, que promove a interação entre academia, governo e setor produtivo.

Em seguida, os representantes do setor de cosméticos tiveram a oportunidade de assistir às apresentações de diversos pesquisadores da UFRJ acerca das pesquisas relacionadas ao tema que estão desenvolvendo em seus laboratórios. Participaram do evento:

Prof.ª Alane Beatriz Vermelho (Instituto de Microbiologia)

Prof. Andrew Macrae (Instituto de Microbiologia)

Prof.ª Claudia Regina Elias Mansur (Instituto de Macromoléculas)

Prof.ª Claudia Rezende (Instituto de Química)

Prof. Cláudio Lopes (Instituto de Química)

Prof.ª Denise Freire (Instituto de Química)

Prof. Rodrigo Octavio Mendonça Alves de Souza (Instituto de Química)

Prof. Daniel Weingart Barreto (Escola de Química)

Prof. Marcio Nele (Escola de Química)

Prof.ª Maria Alice Zarur Coelho (Escola de Química)

Prof.ª Veronica Maria de Araújo Calado (Escola de Química)

Prof.ª Ariane Batista (COPPE)

Prof. José Carlos Pinto (COPPE)

Prof.ª Roberta Campos (COPPEAD)

Prof.ª Adriana Passos (Faculdade de Farmácia)

Prof. Eduardo Ricci Junior (Faculdade de Farmácia)

Prof.ª Elisabete Pereira (Faculdade de Farmácia)

Prof.ª Flávia Alamada do Carmo (Faculdade de Farmácia)

Prof.ª Gisela Maria Dellamora Ortiz (Faculdade de Farmácia)

 

 

AGÊNCIA UFRJ DE INOVAÇÃO
Rua Hélio de Almeida, s/n - Incubadora de Empresas - Prédio 2 (2º andar)
Cidade Universitária | Ilha do Fundão | Rio de Janeiro - RJ | 21941614
21 3733-1788 | 21 3733-1797

              facebook       instagram   pr2 
 
 
UFRJ Agência UFRJ de Inovação - PR2 - UFRJ
Desenvolvido por: TIC/UFRJ