smartcities

 

O Parque Tecnológico da UFRJ e a Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI) deram início a uma parceria que tem como objetivo estabelecer um ambiente de demonstração de novas tecnologias e soluções para a melhoria do dia a dia das cidades. O Parque passa a integrar o conselho consultivo do Ambiente de Testes de Tecnologias para Cidades Inteligentes da ABDI/Inmetro, que está sendo montado em Xerém (RJ). Este projeto tem como objetivo reunir empresas e organizações que desenvolvem novas tecnologias para as chamadas cidades inteligentes e que poderão ter, no local, um espaço de teste para suas soluções. Os 350 mil metros quadrados do Parque e o campus da própria UFRJ poderão ser também uma das extensões do ambiente montado em Xerém. O Parque passa a ser um living lab (laboratório vivo) associado.

“Este tipo de parceria é fundamental para elevar o debate sobre o tema. Traz experiência prática sobre inovação e pode ajudar a desenvolver o ecossistema de cidades inteligentes”, destaca Carlos Frees, líder do projeto pela ABDI. Para o projeto, a participação do Parque é de extrema relevância: “O que eventualmente não puder ser testado dentro do Inmetro, nós poderemos colocar em prática aqui na Universidade. Questões que exijam adensamento populacional podem ser um exemplo. Passam cerca de 100 mil pessoas por dia aqui no campus”, relata Leonardo Melo, gerente de desenvolvimento Institucional do Parque.

Sobre o ambiente de Testes de Tecnologias para Cidades Inteligentes da ABDI/Inmetro

O ambiente de testes está sendo montado no campus do Inmetro em Xerém (RJ). No local, empresas que desenvolvem tecnologias para cidades inteligentes vão poder instalar suas soluções e testá-las. A ABDI e o Inmetro vão validar o funcionamento. As tecnologias com eficácia comprovada serão disponibilizadas em um showroom para apreciação de prefeitos. Caso o gestor municipal se interesse por alguma, ele poderá negociar a instalação diretamente com a empresa. No momento inicial serão testados dez cenários, entre eles iluminação inteligente, mobilidade urbana e segurança. Estão inscritas mais de 130 empresas no projeto.

Sobre o Parque Tecnológico da UFRJ

O Parque Tecnológico da UFRJ é um ambiente de inovação dentro da UFRJ que permite a interação entre a universidade – alunos e corpo técnico-acadêmico – e as empresas, transformando conhecimento em emprego e renda e oferecendo produtos e serviços inovadores para a sociedade. Inaugurado em 2003, o Parque ocupa uma área de 350 mil metros quadrados e abriga centros de pesquisa de empresas inovadoras, laboratórios da UFRJ, uma incubadora de empresas e espaços para desenvolvimento do empreendedorismo e integração. Hoje estão instaladas no Parque, 66 instituições, sendo 16 empresas de grande porte nacionais e multinacionais, 9 pequenas e médias, 5 startups do programa CrowdRio, o HUB de inovação na UFRJ, 27 residentes da Incubadora de Empresas da COPPE/UFRJ, além de 9 laboratórios da própria UFRJ.

 

 

AGÊNCIA UFRJ DE INOVAÇÃO
Rua Hélio de Almeida, s/n - Incubadora de Empresas - Prédio 2 (salas 25 a 29)
Cidade Universitária | Ilha do Fundão | Rio de Janeiro - RJ | 21941614
21 3733-1793 | 21 3733-1788

              facebook        
 twitter 
UFRJ Agência UFRJ de Inovação - PR2 - UFRJ
Desenvolvido por: TIC/UFRJ